• slidebg1

Benefícios do Picolinato de Cromo - Para Que Serve e Como Tomar [EMAGRECE?]

Olá, tudo bom?

Nesse vídeo eu vou falar para você sobre o picolinato de cromo.

O que que é o picolinato de cromo?

Para que que ele serve?

Como tomar?

Qual é a dose indicada?

Será que ele realmente ajuda os diabéticos?

Ajuda quem tem resistência à insulina?

Afinal de contas, para quem ele é indicado?

Ele ajuda a emagrecer?

Fica comigo até o final que eu vou responder tudo isso para você agora.

Antes de mais nada, se você é novo por por aqui, aproveita e se inscreve no canal, ativa o sininho, aqui tem vídeo novo todo dia e eu sei que você não vai querer perder.

Gente, o que que é o picolinato de cromo?

O picolinato de cromo é a forma mais fácil de você encontrar o cromo.

Normalmente ele é associado e vira essa substância chamada picolinato de cromo, que a gente compra na farmácia.

Então, você não vai ter nenhum alimento-fonte de picolinato de cromo porque, na verdade, o picolinato de cromo é a fonte do cromo.

Quando a gente consome o picolinato de cromo, a gente está querendo uma fonte de cromo para adicionar à nossa dieta.

“Por quê Patrícia, que as pessoas querem adicionar cromo à dieta?”

Porque as fontes de cromo são as fontes que muitos vegetais, muitos cereais integrais são boas fontes de cromo, obviamente, mas cada vez mais as pessoas consomem alimentos industrializados, processados, refinados, então os alimentos-fontes de cromo estão cada vez menos sendo consumidos no dia a dia.

E uma boa fonte de cromo, se você é raiz, e não quer usar suplemento, mas quer consumir uma boa fonte de cromo, é a levedura de cerveja.

Então anota aí: se você quer aumentar a quantidade de cromo na sua alimentação sem ter que partir picolinato de cromo, você pode começar a levedura de cerveja, eu até tenho um vídeo no canal falando mais sobre a levedura.

Se você quiser saber mais sobre ela, eu vou deixar o link aqui para você.

Mas porque que as pessoas ficam tão preocupadas, assim, em consumir cromo?

Será que o cromo é um mineral tão importante assim? É.

Na verdade, o cromo está relacionado à produção de insulina e à sensibilização de insulina do seu corpo para os receptores dela nas células.

Então, se você tem resistência à insulina ou diabetes tipo 2, já tem uma correlação científica comprovada que, consumir mais cromo, vai melhorar a sua sensibilização à insulina, vai melhorar a sua questão de metabolização de glicose, os níveis de glicose no plasma favorecendo, assim, um melhor controle do diabetes tipo 2, se você é diabético tipo 1 e tem resistência à insulina, pode ser que ela te ajude também, e emagrecimento, porque se você melhora a sensibilização à insulina, você precisa secretar menos insulina para conseguir pegar aquele açúcar que está presente no sangue e botar dentro da célula.

Se você precisa secretar menos insulina porque sua célula está mais sensível, você vai acumular menos gordura, principalmente gordura abdominal.

Então, acaba sendo super interessante.

Então, será que tem algum sintoma dessa carência de cromo no nosso organismo?

Bom, nada assim muito diretamente, que você olhe e fale: “essa pessoa está com carência de cromo.”

Mas realmente, quem tem menos cromo circulante no organismo, tem uma produção pior da insulina, no tipo de qualidade, de sensibilização dela, e aí todos os efeitos relacionados com isso: a resistência à insulina, talvez o aparecimento de diabetes tipo 2 e essas questões associadas a isso.

Então, como é que a gente vai saber se a gente precisa, ou não, suplementar o cromo né, isso acaba sendo um pouco difícil porque, normalmente, a gente, a grande maioria das pessoas não pede cromo no exame de sangue, né, não sei se você já fez algum exame para isso, mas é bem difícil.

E normalmente, a gente consegue perceber essa questão de sensibilização da insulina quando a gente pede a dosagem de insulina sérica, né, no plasma, no sangue e vê o nível HOMA-IR, que é o nível de resistência à insulina.

Talvez fosse interessante, se você já tem diabete, se você já tem resistência à insulina, fazer esse exame, utilizar o cromo e ver se, utilizando o cromo, houve alguma melhora, ou se não houve, parar de tomar, mas se houve, continuar tomando, ver a dose certinha com o seu médico, que vai ter pedido esse exame, para você melhorar a sua sensibilização de insulina, de uma maneira geral.

Então você pode estar se perguntando: “ai Patrícia, eu tenho diabetes tipo 2, tenho resistência à insulina, estou com dificuldade de emagrecer pela resistência à insulina, síndrome metabólica, quero tomar cromo.

Quanto eu vou tomar?”

Mais uma vez, isso vai depender de pessoa para pessoa, massa corporal, atividade física, objetivos, outras comorbidades, né, outras doenças associadas.

Mas, em média, a dose fica entre 50 e 300 microgramas por dia, podendo ser menos, podendo ser mais, realmente é bem interessante que você faça uma avaliação com um médico ou com um nutricionista, se você quiser saber a dose individual para você, porque eu não tenho, daqui, como te passar especificamente, individualmente, como você, a dose para você tomar certinho para o seu caso.

Então, será que tem alguma contra-indicação?

A gente tem que ter algum cuidado na suplementação com o cromo?

Com certeza tem, principalmente se você toma por conta própria doses muito altas.

Já tem alguns estudos que falam para você não fazer isso cronicamente, por muito tempo, porque isso pode levar até, mesmo, a alterações do DNA, ou que daqui a muitos anos pode levar a problemas mais sérios, como até mesmo o câncer.

Então, não é porque é um mineral que é presente no nosso organismo, que é, sabe,

“ah, é só um mineral, é só uma vitamina que eu posso tomar uma dose excessivamente alta por muito tempo.”

Sempre tenha cuidado, o caminho do meio, vamos sempre jogar para baixo para ficar seguro para você.

Além disso, se você tem problemas gastrointestinais, diarreia frequente, pode ser que ele irrite mais.

Então, nesse caso, tem que ficar ligado, também se você tem úlcera, qualquer questão do aparelho digestivo, se você já tem mais sensibilidade, pode ser que o cromo exarcebe isso um pouquinho e você sinta mais os sintomas.

Agora, se você utiliza o cromo dentro das necessidades diárias, dos valores de referência diários, a princípio não tem com o que se preocupar, porque realmente isso já tem um teto estabelecido.

Eu estou falando desses cuidados extras para ter, com relação ao DNA, porque tem algumas pessoas que eu falo assim: “ai, o cromo é bom para melhorar a sensibilização à insulina”, e a pessoa vai querer tomar 4 vezes a dose para ter mais resultado.

E vocês sabem, gente, que na nutrição não é assim que funciona.

Você tomar muito de uma coisa boa pode te fazer mal.

Então, a gente sempre, como eu falo, tem que seguir o caminho do meio, ter cuidado, é a nossa saúde que a gente está falando, da nossa saúde, então sem grandes exageros, nem para mais, nem para menos, está bom?

E, uma última coisa que eu quero falar para você, que não é porque o cromo tem esse potencial de melhorar a sua secreção de insulina, né, a sensibilização à insulina, essa questão metabólica dela, de aproveitamento, né, e sensibilização dela, que ele é milagroso.

Se você tem resistência à insulina, se você tem diabetes tipo 2, lembra sempre que o que vai ajudar muito no seu controle é atividade física, alimentação correta e a suplementação, se for o caso, mas a suplementação vem depois.

Primeiro pensa sempre na sua atividade física, em se manter mais ativo, em queimar mais dessa glicose que está circulando, em excesso, aí na sua corrente sanguínea, se for o caso, se você for diabético, se preocupa em se alimentar direito para evitar que você tenha esse excesso muito exacerbado, porque se você é diabético, fatalmente você vai ter uma algum pico de insulina, de glicose ao longo do dia, então, né, eu sei que isso vai acontecer, está dentro do esperado, mas controlando a alimentação você vai conseguir fazer com que essa entrada de glicose para dentro do seu corpo seja mais gradual, e talvez te dê um controle melhor, mais qualidade de vida, mais disposição, mais energia para você viver melhor.

E você, conta para mim aqui nos comentários agora: já usou o picolinato de cromo?

Teve resultado?

Para quê que você usou?

Foi para emagrecer ou por essa questão da insulina?

Me conta aqui embaixo, eu vou adorar ler.

Dá a sua curtida no vídeo, que isso é muito importante.

Se você conhece alguém que vá se beneficiar com esse vídeo, compartilha.

Vamos aumentar essa rede aí, boa, de um ajudando o outro, que eu acho que isso faz muita diferença no dia de hoje.

E, se você é novo por aqui, aproveita e se inscreve no canal, ativa o sininho porque aqui tem vídeo novo todo dia e você não vai querer perder, tanto de suplementação como de alimentação saudável, receitas interessantes para você, o que engorda e o que emagrece, muita coisa legal.

Até a próxima, tchau, tchau.